15 Truques Essenciais para Regular o Ponto de Sua Máquina de Costura


Você já parou para imaginar como é formado o ponto na sua máquina? Pois é muito simples: na animação abaixo você vê bem como o processo funciona.

Numa 1ª etapa, a agulha perfura o tecido e desce até o ponto mais baixo, transportando a linha do carretel. Em seguida, a agulha sobe um pouco, fazendo com que a linha superior forme um pequeno laço. A lançadeira gira, no sentido anti-horário, e, pegando o laço, expande-o e faz com que ele envolva a caixa da bobina.
maquina-de-costura
A linha superior envolve a linha inferior (da bobina), formando o nó, e a agulha sobe até seu ponto mais alto, os guia-fios transportam a linha para cima, e deixam o nó no meio do tecido. Todo esse processo ocorre rapidamente e se repete várias vezes, formando as costuras.

Mas, para que o ponto fique bonito, a máquina tem que estar bem regulada, de acordo com o tecido que vai ser costurado. O primeiro detalhe a ser observado é a tensão da linha, que é regulada através dos tensores (cada modelo de máquina tem um tipo diferente, mas todos funcionam da mesma forma)

costura-dicas-maquina

Cada tecido vai pedir uma regulagem diferente, por isso tenha sempre um retalho próximo, para testar a costura antes, e regule com ele o ponto. Quanto maior o número do ponto, maior a tensão da linha.

costura-dicas-maquina2

E o que fazer quando a linha está embolando?

costura-dicas-maquina3

O primeiro passo é verificar se a linha da bobina esta correndo livremente, sem travar ou enroscar

costura-dicas-maquina4
Depois, certifique-se de que a linha está passada corretamente por todas as passagens: na dúvida, dê uma olhada no manual!

costura-dicas-maquina5

Agora é aproveitar sua máquina e soltar a costureira que existe em você!

Fonte: blogsigbolfashion.com

Para garantir que todos os elementos da sua máquina de costuram estejam sincronizados, é necessário ajustar o tempo da máquina, uma vez que isso é primordial na criação de pontos iguais no tecido. O processo de modificação e instalação das partes é particular de cada máquina, mas você pode consultar dicas para isso no manual da mesma. Já o ajuste do tempo é igual para quase todas as máquinas.

Primeira etapa: constatando o problema

1. Verifique outros possíveis problemas: Só desmonte sua máquina quando isso for realmente necessário.

Algumas vezes, trata-se apenas de algum problema com agulha. Veja se ela não está torta ou mal encaixada.
Verifique se a agulha e a espessura da linha são compatíveis com o tecido.
2. Faça o teste do tempo: Para ter certeza se é necessário o ajuste de tempo, verifique o alinhamento da agulha e do gancho de transporte.

Retire a placa, a caixa do carretel e a tampa da base, mas mantenha a agulha com linha.
Lentamente, gire a manivela para que o gancho peque a linha suavemente. Caso isso não ocorra, será necessário o ajuste do tempo.
Com uma régua, faça a medida da configuração do tempo. Através da manivela, coloque a agulha em uma posição mais baixa, depois eleve cerca de dois centímetros. Posicionado dessa forma, o ganho deve encontrar a agulha bem acima do buraco. Caso isso não ocorra, será necessário o ajuste do tempo.
3. Deixe a máquina pronta para o procedimento: Se você constatou que será mesmo necessário o ajuste do tempo, é preciso que a máquina esteja pronta para o trabalho que será feito.

Dependendo do fabricante da sua máquina, você terá que mudar a posição do ponto, deixando-a reta, em outros casos você terá que mudar o ponto para uma posição que faça um zigue-zague aberto.
Tenha em mãos as ferramentas necessárias: uma chave de fenda pequena, óleo de máquina de costura e uma luz clara.
Segunda etapa: Fazendo o ajuste do tempo

1. Ajuste a altura da barra de agulha: Geralmente, as máquinas possuem marcas que indicam o local correto da altura da barra, caso você não encontre, pode consultar essa informação no manual da sua máquina.

Caso haja marcas de tempo, deixe a barra de agulha mais frouxa para deixar a marca de cima logo abaixo do fundo da barra do tempo.
Pode ser que não haja marca de tempo. Nesse caso, baixe totalmente a agulha com a manivela. Feito isso, eleve-a 2,4mm. Faça o ajuste da agulha para que seu buraco fique 2,4mm abaixo do ponto do gancho.
2. Estabeleça o tempo do gancho: Cada fabricante ou modelo tem seu ajuste de tempo do gancho, mas geralmente é ajustada a distância entre gancho e agulha.

Baixe toda a barra de agulha com o uso da manivela e afrouxe as peças na base.
Certifique-se de que o gancho e a agulha estejam com uma distância correta entre eles, algo próximo a 0,04mm e 0,1mm ou 0.01-0.16
3. Verifique se o tempo está preciso: Veja se os ajustes da agulha e do gancho de transporte melhoraram as configurações da máquina.

Dê continuidade ao seu trabalho com a área do carretel estando visível, caso você tenha retirado a linha da agulha, recoloque.
Lentamente, gire a manivela para que o gancho peque a linha suavemente. Se isso ocorrer, você conseguiu ajustar o tempo da forma correta.
Terceira etapa: Remontando a máquina para testar

1. Monte sua máquina novamente: Cuidadosamente, aperte todos os parafusos e garanta que todas as partes da máquina estão encaixadas.

2. Limpe as peças expostas:

Remova fios e peças que compõem o sistema de alimentação.
Consulte o manual para ver em quais peças será necessário o uso do óleo, que deve ser sempre o específico para máquinas de costura.
3. Recoloque as tampas e a placa

4. Testando os ajustes realizados: Confira o resultado do procedimento costurando um retalho.

A agulha não deve quebrar, os pontos devem ter um padrão e a máquina não pode pular nenhum deles.
Caso o resultado não seja satisfatório, você pode tentar refazer o procedimento, ou consultar um profissional.

Fonte: maquinasuniao.com.br