Aprenda a Técnica Expert para Dominar e Melhorar Seu Acabamento na Costura, Deixando-o Perfeito

Acabamento com a máquina de costura


O ponto chuleado é um dos mais usados para arrematar as extremidades dos tecidos, evitando que eles desfiem. Na alfaiataria tradicional ele é feito à mão, contudo dá para conseguir bons resultados cosendo com a máquina de costura. Basta seguir os passos:

1. Selecione o ponto zigue-zague e defina sua largura e seu comprimento. Escolha entre as posições 2,5 e 3.

2. Ajuste a tensão de acordo como tecido que irá costurar. Faça o teste em um retalho para verificar a medida correta.

3. Posicione o tecido na máquina de maneira que a borda fique alinhada com a abertura central da sapatilha e costure.

Veja algumas dicas para obter uma costura perfeita. Confira!

Depois de todos os cuidados na hora de cortar as peças, é preciso escolher bem os aviamentos para facilitar a costura. “A linha deve ser da cor que predomine no tecido”, explica Maísa Alves, do Senai. Já Daniele Boury, da Eduk, dá outras dicas: “Se ainda restar alguma dúvida sobre a tonalidade, posicione a linha da matiz da estampa e a do fundo sobre a trama e veja qual delas fica mais discreta”, explica.

Para que o resultado fique perfeito, o ideal é alinhavar antes e verificar se os padrões se encaixam. “Dobre direito com direito e alinhave, depois é só virar e ver se está tudo certo.

Alguns elementos, como viés, fitas de gorgurão, debruns e passamanarias, ajudam a disfarçar os desníveis quando são pregados no avesso”, comenta.

Acabamento com Debrum

O acabamento com debrum deixa a peça mais bonita, além de reforçar a costura, também evita que as bordas desfiem.


Tenho fotos na máquina fotográfica das aulas do curso de costura, aos poucos, vou baixando, organizando e postando aqui no blog. Todas as aulas eu ia registrando, tirava foto de cada passo, quando fizer de novo e não lembrar é só ver as sequências das fotos rs

acabamento-debrum7

acabamento-debrum6

acabamento-debrum5

acabamento-debrum4

acabamento-debrum3

acabamento-debrum2

acabamento-debrum


5 passos para executar a costura francesa

costura-francesa6

costura-francesa5

costura-francesa4

costura-francesa3

costura-francesa


Dicas de costura inglesa

Fazer acabamentos bonitos é um diferencial que agrega valor às peças e dá prestígio ao seu ateliê. A costura inglesa possui algumas variações e pode ser confusa para iniciantes, mas a modelista Cristiane Lára, da Modelaria, de Salvador, ensina esta técnica detalhe por detalhe.

PASSO A PASSO:

1. Esta costura é feita colocando os tecidos avesso contra avesso a uma margem de 1 cm.
2. As bordas são aparadas e ficam com 3 milímetros.
3. Passe a ferro e revire o tecido, juntando direito contra direito, e faça a costura definitiva, sem pegar nas margens aparadas.

Fonte: http://moldeecia.oficinadamoda.com.br/

Importância de Marcar o tecido

“Sei que na ânsia de costurar muitas vezes queremos sentar na máquina e ir fundo, mas marcar os tecidos com giz ou lápis B6 e depois passar e vincar as marcas nos ajuda muito. Sempre que vou costurar corto o tecido com sobra de 1cm nas laterais, e nessas marcas faço o vínco. Assim quando vou para a máquina fica muito mais fácil alinhar e fazer uma costura reta. Uso um pauzinho para vincar.

Molhar e passar os tecidos antes de costurar

“Porque molhar tecidos:
– primeiro porque alguns encolhem e não é pouco. Geralmente encolhem meio a um cm, mas minha mãe tem uma toalha de mesa que encolheu mais de 10cm!
– segundo, porque tem goma e poeira. Mesmo que o lugar esteja limpinho.
– terceiro, porque alguns tecidos, mesmo os melhores podem soltar tinta. Não estou com sorte com um lote de poás aqui na minha cidade e sempre solta um pouco de tinta.

Como molhar os tecidos:

Eu faço assim: tenho algumas vasilhas quadradas (destas saladeiras com tampa) não muito grandes. Separo os tecidos por cor e aqueles mais fortes eu ponho em uma vasilha sozinho.

Importante: NÃO DESDOBRE O TECIDO! coloque dobradinho para não amassar. Quanto menos amassar melhor para vc.

Deixo neste molho por umas 6 horas ou de um dia para outro. Depois enxaguo SEM DESDOBRAR, em água corrente e espremo para tirar o execesso. Os tecidos que soltam tinta, enxaguo até parar de sair tinta e volto para um molho de água com um punhado de sal. Ajuda a fixar a cor.

Tenho pouco espaço então centrifugo os meus paninhos. Arrumo todos DOBRADOS na máquina e ligo na centrifugação.

Para estender vc desdobra, mas coloque com cuidado no varal para nao amassar. Depois é só passar para tirar marcas de prendedores e amassadinhos.”

Costura e os pontos
As costuras são constituídas de pontos que são o ciclo de entrelaçamento da linha no tecido através da agulha e outros elementos que formam a laçada.

O tipo de ponto é a repetição do ponto em intervalos regulares.
Entretanto, os pontos são utilizados não somente para unir partes pela costura, mas também para bordar, chulear (acabar bordas de um tecido), casear, pregar botões, etc.
Os diversos tipos de pontos de costura são divididos em classes que obedecem a um critério criado para padronizar a nomenclatura utilizada na indústria.
Como fazer Chuleado

O chuleado é uma costura ziguezague feita na beirada do tecido para dar o acabamento e evitar que desfie.
Para fazer um chuleado em maquina de costura, siga os passos abaixo:
1. Utilize a sapatilha de uso geral.
2. Selecione a largura do ziguezague no seletor de largura (se estiver costurando com agulha dupla, não ultrapasse a marca indicada no painel).
3. Escolha o comprimento do ponto, sugerimos iniciar com a posição 2,5 ou 3.
4. Ajuste a tensão, conforme o tecido e a linha.
5. Posicione o tecido na máquina de forma que sua borda coincida com a ranhura central da sapatilha.
6. Costure, segurando o tecido para mantê-lo no lugar certo.
Dica: Para um melhor resultado em costura à máquina utilize sempre a mesma linha no carrinho e no enchimento da canela.
Só deve utilizar linhas diferentes se quiser usar uma linha de bordar e quiser obter um resultado decorativo.
Como fazer um Franzido

Para franzir o tecido(1):
o procedimento é muito semelhante à costura reta, com apenas alguns detalhes a observar.
1. Selecione o comprimento de ponto máximo (o seletor deve ser posicionado no número 5).
2. Coloque o seletor de largura do ponto em costura reta.
3. Levante o pé calcador e coloque o tecido na máquina, paralelo às ranhuras da chapa da agulha.
4. Inicie a primeira costura reta, sem fazer os arremates no início e no final da costura.
5. Levante o pé calcador, gire o tecido, sem cortar, e faça a segunda costura reta, paralela á primeira.
6. Levante o pé calcador, puxe a linha uns 10 cm, corte o fio e retire o tecido.
7. Segure o tecido e, delicadamente, puxe as duas linhas inferiores, franzindo o tecido.
Franzir um tecido (2):
Para fazer um franzido num tecido de forma rápida e eficaz, faça um zig zag sobre uma linha grossa e resistente (Coats Creative, por exemplo).
Puxe as pontas para franzir.
Pregar botões é a coisa mais simples do mundo: basta seguir as dicas .