Aprender Bordado o Guida completo com dicas para bordar

Se você está querendo Aprender Bordado, esse guia vai te ensinar tudo para iniciar nesse artesanato maravilhoso.

Bordado Livre
Um tipo comum de Bordado é o Bordado Livre, isto é,
bordado sobre riscos, transferidos para o tecido.
Bordado sobre Fios Contados
Ao contrário do Bordado Livre, o Bordado sobre Fios
Contáveis não necessita de riscos, pois é trabalhado pela
contagem de fios do próprio tecido, sendo cada ponto
trabalhado sobre um número exato de fios.











DICA Especial: Quer Perder de 5 à 10kg em Apenas 21 dias
com Método Eficaz e Comprovado??
Clique AQUI para Aprender!

Emprego de Pontos
Muitos dos pontos de bordado são usados somente para
Bordado Livre, outros porém, são empregados apenas em
Bordado sobre Fios Contáveis. Da mesma maneira certos
Pontos de Bordado Livre, como o Ponto Pequinês, Ponto
de Repôlego, Ponto de Aresta, Ponto em Ziguezague, Ponto
de Mosca e Ponto de Nó Duplo podem ser usados em

Bordado sobre fios Contáveis.
Os grupos principais de pontos usados em Bordado Livre
são, Contorno, Chato, Laçada, Cadia, Nó, Fios Estendidos,
Cobertura e Compostos. No Bordado sobre Fios Contáveis,
os tipos principais são, Ponto de Cruz, Assis, Bordado Negro
Espanhol, Hardanger, Bainhas Abertas, Fios Agrupados e
Trabalho de tela. Cada tipo de bordado tem um número
de pontos básicos que são geralmente usados. Outros
pontos podem ser introduzidos para dar variedade a um
desenho. O ponto de Cruz mantém-se inalterado. O bordado
de Assis usa somente o Ponto de Cruz e o Ponto de Médici
(Técnica de Holbein); o Bordado Hardanger usa
principalmente o Ponto Cheio, com o auxílio dos pontos
mencionados na parte de pontos hardanger.




NOVIDADE: Aprenda de forma
FÁCIL a fazer Modelagem, Corte e Costura!
Clique AQUI

O Bordado Negro Espanhol usa o Ponto Atrás Enrolado e
o Ponto Cruz. Fios Agrupados e Bainhas Abertas são pontos
derivados de pontos incluídos nessas divisões de pontos.
No Bordado em Tela existe uma vasta variedade de pontos
para escolha. Estes podem ser usados individualmente ou
para criar interessantes texturas.

Bainhas Abertas
Este tipo de bordado, como indica seu nome, é executado
desfiando-se fios de tecido e depois bordando-se sobre as
beiradas do desfiado para quem quer Aprender Bordado, os
Pontos decorativos são também trabalhados sobre os fios soltos,
que são deixados quando os fios da urdidura ou da trama são
retirados.
A Cobertura em Teia de Aranha é indicada para cobrir os
cantos abertos, de onde os fios da urdidura e da trama
formam retirados.



OPORTUNIDADE Especial para Aprender ou
Melhorar seu Corte e Costura de uma forma Simples!
Clique AQUI Agora!!

Bordado de Fios Agrupados
Este tipo de bordado é executado, juntando-se em grupos
certos os do próprios tecidos. Realmente, os pontos não
são o mais importante neste trabalho, mas sim o desenho
aberto formado no tecido pelo agrupamento repuxado de
seus fios. Os pontos são trabalhados sobre número regular
de fios do tecido e a linha com que se trabalha é puxada
firmemente em cada movimento da agulha, para que um
efeito de ponto aberto seja obtido. Não são retirados fios
do tecido e assim, embora consiga uma aparência de
fragilidade, o bordado permanece forte e durável. Além
dos pontos indicados para o grupo de Bordado de Fios
Agrupados, muitos outros pontos de outros grupos podem
ser usados para melhor efeito, como por exemplo: Ponto
de Amarra, Ilhós em Forma de Estrela, Ponto de Cruz
Comprido, Barra Diagonal Ascendente e Cobertura em
Forma de Mosaico.

Bordado Hardanger
O Bordado Hardanger deve ser sempre executado sobre
um tecido de fios iguais. O ponto Cheio é o ponto básico
e é feito em grupos (blocos) compostos de um número
ímpar de pontos. Quando todos os Blocos de Ponto de
Cruz estão terminados, os fios de tecido são então cortados
e desfiados conforme necessário. Os fios soltos do desfiado
são então cobertos com Pontos Enrolados ou Cerzidos para
formar barras e vários pontos de coberturas são executados
entre os espaços deixados pelos desfiados. Os Blocos de
Ponto de Cruz são executados com Linha Anchor Torçal
Pérola e as barras e coberturas com Linha Anchor Perlé.

Bordado em Tela
Existem vários tipos de telas; de fio simples, de fio duplo,
fina ou grossa. O tipo de tela indicado dependerá do
desenho e da grossura da linha usada. O ponto Oblíquo
(ou Ponto de Tela ou ainda “Petit Point”) é o ponto usado
em uma tela fina de fio simples, enquanto que o Ponto
Gobelin – ou “ Gros Point” – é apropriado para uma tela
um pouco mais pesada de fios duplos, e ambos estes
pontos caem sob a denominação de Pontos de Tapeçaria.
Um ponto tramado pode ser usado com o Gros Point a fim
de que os fios da tela fiquem completamente cobertos.
Isto dará também uma aparência mais uniforme e bonita
ao trabalho. Ao começar ou arrematar o trabalho não faça
nós, pois estes aparecerão em relevo depois de o trabalho
terminado e montado. Para começar a bordar , introduza
a agulha do avesso para o lado direito, deixando uma
ponta de aproximadamente 3 cm no avesso. Com a mão
esquerda, prenda a ponta em linha horizontal. Trabalhe
pelo direito enlaçado ao mesmo tempo a ponta que está
pelo avesso. Para arrematar, passe a agulha sobre alguns
pontos do avesso. É aconselhável usa

Material para Bordar
O emprego equilibrado do tecido, linha, desenho e ponto,
cuidadosamente escolhidos para um perfeito entrosamento,
tornam o bordado realmente bonito. Para conseguir este
efeito, o material empregado deve ser da melhor qualidade,
e a tabela na 10 ajuda a seleção do tipo e da grossura
corretos da agulha e linha que devem ser empregados, de
acordo com o tecido.

Linhas para Bordar Anchor Mouline
A linha tem seis fios separáveis que são frouxamente
torcidos juntos. Os seis fios podem ser usados juntos, ou
podem ser separados e usados em grupos de dois, três ou
quatro. A linha é brilhante e é própria para a maior parte
dos tipos de bordados. A Linha Anchor Torçal Pérola e a
Linha Anchor Perlé tem um torcimento suave, muito próprio
para o bordado Hardanger e outros tipos de Bordado sobre
Fios Contáveis. A Anchor Perlé é muito usada para o Bordado
Aberto (Richelieu). É também muito boa para todo bordado
em tecido meio leve – tanto em Bordado de Estilo Livre
como sobre Fios Contáveis. A linha Anchor Torçal Suave,
linha de acabamento fosco e macio, e a lã para Tapeçaria
Âncora são ideais para bordado mais rápido em bordado
livre ou sobre Fios Contáveis. São também excelentes para
Tapeçaria.

Agulhas
No Bordado Livre são empregadas as agulhas Darning
Corrente, para linhas e tecidos finos, médios e também
para tecidos mais espessos e linhas mais grossas. Para o
Bordado em Fios Contados devem-se empregar as agulhas
Tapestry CORRENTE.

Tesouras
Devem ser afiadas, com lâminas pontiagudas, portanto,
apropriadas para aparar e recortar no tecido Bordado
Richelieu, Hardanger e Bainhas Abertas, como também
para cortar as pontas de linhas.

Bastidores
Alguns bordados, que em certas partes necessitam de
pontos muito agrupados, podem tornar-se enrugados ou
franzidos. Neste caso, será recomendável o uso de um
bastidor, para manter o trabalho esticado e liso. Há diversos
tipos de bastidores.
O redondo é o mais empregado para pequenos trabalhos.
Em geral o bastidor consiste de duas peças circulares de
madeira ou metal, que se ajustam uma dentro da outra,
de maneira que o tecido possa ser firmemente esticado.
Os bastidores podem ser obtidos de vários tamanhos, sendo
que um tipo bastante popular é aquele que tem uma rosca
no aro maior para afrouxá-lo ou apertá-lo. Isto permite o
uso de tecido de qualquer espessura. A parte do trabalho
a ser bordada é colocada sobre o aro menor, sendo o
maior prensado sobre o tecido ajustado no aro menor,
para manter o trabalho esticado. Os fios da trama e da
urdidura do tecido devem estar bem retos no bastidor.
Para peças grandes, especialmente tapeçarias, o trabalho
deve ser montado em um bastidor quadrado ou retangular.
Este tipo de bastidor é geralmente composto de dois
cilindros, tendo cada um pedaço de cadarço firmemente
pregado ao longo de seu comprimento (isto é, alto e base)
e duas tábuas laterais que se ajustam em furos ou fendas
em cada cilindro. O tecido ou tela a ser trabalhado é
costurado ao cadarço em cada cilindro. As ripas laterais
são então presas com as quatro roscas para o tecido ficar
esticado e igual. Os lados da tela são firmemente enlaçados
ao redor das ripas de madeiras com linha dupla grossa de
algodão; se tecido fino é usado, pregue o cadarço aos
lados livres e então enlace.
Bastidores podem ser adquiridos também com cavaletes,
para que as mãos da bordadeira fiquem livres.

Métodos de Riscar
Uma bordadeira que cria seu próprio desenho necessita
riscá-lo em um tecido selecionado.
1) O método mais simples é o de papel carbono.
Coloque o papel carbono com a face para baixo sobre o
tecido, e então coloque o desenho por cima. Acompanhe
com um lápis de ponta afiada todas as linhas do desenho.
É necessário tomar cuidado para fazer pressão somente
sobre as linhas do desenho, pois do contrário o carbono
pode manchar o tecido. Não é recomendável usar carbono
de cor escura em tecidos claros.
2) O desenho pode ser trocado diretamente sobre tecido
fino transparente como organdie, nylon ou seda fina, se
o desenho for colocado por baixo do tecido e as linhas do
desenho aparecem no direito.
3) Em tecidos muito grossos ou texturizados, é difícil traçar
um desenho. Neste caso, trace o desenho sobre um papel
fino, alinhave o papel na posição certa sobre o tecido, e
então acompanhe cuidadosamente todas as linhas do
desenho com pequenos Pontos de Alinhavo. O desenho
pode ser rasgado antes do bordado ser iniciado. Remova
todos os pontos de alinhavo depois de terminado o bordado.
Como Esticar Telas
Depois de terminar um trabalho sobre tela, a bordadeira
pode descobrir que a peça ficou ligeiramente fora de
formato devido ao puxão diagonal dos pontos. A peça
deverá ser então esticada em casa especializada.
Instruções para Lavar Bordado
Use água morna e sabão em pó. Lave, espremendo
levemente. Enxague diversas vezes em água morna, esprema
com a mão e deixe até se tornar somente úmida. Passe
pelo avesso, enquanto ainda úmida, com ferro
moderadamente quente. Bordado de tapeçaria deve ser
lavado a sêco.

Recomendamos: Quer participar de um Curso de Costura? Veja como Aqui!